28 de setembro de 2011, quarta-feira. Meu dia no Programa do Jô!

28 set

No álbum do coração: Eu e o querido Jô Soares!

 O único termo que encontrei para explicar minha última semana foi Furacão do bem! De repente minhas horas aceleraram, os acontecimentos da minha vida fizeram meu coração disparar e, somente agora, tenho tempo para escrever, aqui no blog,  e contar detalhes da gravação do Programa do Jô, já que muita gente perguntou querendo saber.

O convite para o Programa foi maravilhoso, porque, por mais que você trabalhe intensamente naquilo que ama, nunca sabe o alcance do seu esforço. O convite veio em um momento especial, em que me sinto mais preparada para falar do meu dia a dia de escritora.

Depois de uma pré-entrevista por telefone, minha ida ao programa foi confirmada. Comemorei, mas também fiquei com um enorme friozinho na barriga. Daria conta do recado? Será que a entrevista daria certo? Conseguiria abrir a boca na frente do Jô Soares que tanto admiro? Poucos dias passaram e a produção – sempre atenciosa – telefonou para tirar dúvidas sobre a minha vida, esclarecer bem os acontecimentos e isso foi me deixando confortável para a entrevista.

No dia da entrevista, estava bem calma, tão calma que comecei a ficar nervosa… rs As horas foram de muitas emoções e pensamentos. Tudo uma doce correria. Pegamos o avião no começo da tarde – meu Agente Literário Bruno Borges ao lado – um carro da produção, já em Sampa nos levou direto para a TV Globo.

As horas passaram rápido e não tive muito tempo de espera. Depois de um jeito no cabelo e da maquiagem, aguardei no Camarim. Um senhor veio me microfonar e a ficha caiu que daria uma entrevista na TV. E para o Jô Soares!

Já no estúdio, eles gravam no esquema quase ao vivo e mais de um programa foi gravado em sequência. Eu fazia parte do segundo grupo de entrevistados e dividi o programa com o ator Leonardo Miggiorin e o filósofo Paulo Ghiraldelli. Fomos apresentados minutos antes da gravação e entramos os três juntos para encontrar o Jô. Com o estúdio lotado, o local é diferente daquilo que imaginava. Ao vivo sempre fica diferente, né? Além da plateia, do sexteto e do Alex, tem muita gente da produção envolvida para fazer a máquina do Programa do Jô funcionar. O que eu já esperava.

O primeiro entrevistado foi o Leonardo. Confesso que jamais imaginei o sexteto me acalmando, mas foi sua música que me fez ficar tranquila. Tentei assistir o Leo, sem me preocupar que a segunda seria a Tammy que tantas vezes sonhou com aquela noite. Ao final da gravação do Ator, uma parada mínima, o sexteto voltou a tocar e Jô me chamou:

– “Ela é escritora, jornalista, atriz e já fez várias pontas na TV. Tammy Luciano venha para cá!”

Preciso dizer o que eu senti? Foi emocionante. Abri um sorrisão e lá fui eu, torcendo para não tropeçar nos fios das câmeras. Quando sentei, por um segundo, achei que estava no meio de um sonho, abriria os olhos e daria de cara com o teto do meu quarto. Isso não aconteceu.

A entrevista foi divertida e, por um momento, lembrei da minha amiga Leila Rego comentando que eu era engraçada demais contando minhas histórias. Muita gente poderia me conhecer melhor naquele momento, saber da enorme batalha profissional até chegar no Jô e curtir minhas ideias. Aquele seria o momento de abrir meu coração, confiar que demorou muito para estar no Programa e acreditar que estava preparada para falar de mim. Relaxei. Esqueci que estava sendo filmada, olhei para a plateia agradecendo os sorrisos direcionados a mim e aproveitei aqueles momentos ao lado de um homem tão talentoso e generoso como o Jô Soares. Afinal, quais os apresentadores que valorizam tanto a literatura como ele e divulgam os escritores? Poucos, muito poucos.

Depois daquele início tenso, senti que o Jô foi curtindo a conversa. Me senti protegida quando ele passou a segurar minha mão, como tratou bem meus Pais, brincando com eles, como foi respeitoso com minha carreira mesmo com os comentários que eu tinha feito pontas na TV. Jamais escondi que meu lado atriz foi mais intenso no teatro e fiquei feliz em poder mostrar minhas participações em TV para meus leitores conhecerem um pouco desse lado, que muitos não tinham nem ideia.

Muita gente perguntou o que tinha na caneca. Eu estava tão nervosa que mal vi a caneca. É água na caneca, gente!

Adorei também como o Jô valorizou meus vídeos do Crônica Falada. Ele foi tão querido comentando o “Não Refica”, me dando oportunidade de comentar sobre o “Encantada”. Foi ótimo também ver como consegui divulgar ‘Sou Toda Errada’. E para minha total alegria, contei sobre minha contratação pela editora Novo Conceito. Ali meu coração disparou. De repente, a plateia estava me aplaudindo emocionada. Quando achei que choraria, a entrevista acabou e o Jô disse:

– Menina, você é ótima. A entrevista foi maravilhosa – Tiramos uma foto que vai marcar esse momento da minha vida. Eu sou a prova viva que, acreditando no sonho e insistindo muito, um dia as pessoas acreditam em você, desistem de te fazer desistir e o universo conspira!

Não tenho como expressar minha enorme gratidão por todas as mensagens, tweets, e-mails, comentários na internet, telefonemas e recados elogiando minha participação no programa. O carinho de vocês foi igualmente emocionante aumentando a importância da participação no Programa.

Blogs que comentaram minha ida no Programa do Jô:

– Bookaholic – http://bookaholic.com.br/especiais/tammy-luciano-no-programa-do-jo/

– Tesouro Literário – http://www.tesouroliterario.com/2011/09/autora-tammy-luciano-no-programa-do-jo.html

–  Leitura Clandestina –  http://literaturaclandestina.blogspot.com/2011/09/depois-de-ter-sido-entrevistada-no.html

Nossa! Obrigada, obrigada, obrigada! 🙂

Para quem ainda não assistiu minha participação no Jô: http://programadojo.globo.com/platb/programa/?s=tammy+luciano Espero que gostem!

Com amor. Tammy

Anúncios

2 Respostas to “28 de setembro de 2011, quarta-feira. Meu dia no Programa do Jô!”

  1. Rosangela Pimenta 29 de setembro de 2011 às 12:28 am #

    Querida, há alguns aninhos que ficaram lá atrás, eu sempre acreditei em você. Posso não ser tiete presente mas, acompanho sua luta e me orgulho muito daquela menina que um dia foi professora de balé de filhota *rs*.
    Lembro de nossas (poucas) conversas lá na Radiobrás e, naqueles momentos pensava: isso aqui é uma gaiola… ela é um lindo pássaro e precisa voar…
    Em vários momentos você ensaiou seus planos de voos. Falharam? Não. Eles prepararam você para ter em mãos o tão esperado e merecido “brevê”…
    O voo apenas começou! “Sou toda errada” foi o gatilho para que tudo dê certo.
    Você é linda, talentosa, carismática, de personalidade forte, determinada, tem humildade para não ser diferente, embora sendo diferente… é transparente e Feliz!
    Parabéns! Parabéns aos seus pais por acreditarem nos seus sonhos!
    Parabéns para todos nós por termos Tammy Luciano!
    Meu abraço carinhoso,
    Rosangela Pimenta

  2. Fernanda Assis (@nandaassisbh) 29 de setembro de 2011 às 1:16 pm #

    Ei Tammy,

    Você estava linda como sempre, a entrevista foi perfeita. Muito divertida, ri muito do “não refica”, do “encantada” e das 16 mortes hahaha.

    Parabéns, muito sucesso sempre! Super curiosa para ver a capa e tudo do novo livro com a Novo Conceito. Não sei como vc não chorou no Jô hehehe.

    bjos
    Nanda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: